Aprovada utilidade pública à Agência Adventista de Desenvolvimento

A vereadora Noemia Rocha destacou a atuação mundial da entidade: "O trabalho é inquestionável". (Foto – Chico Camargo/CMC)

A vereadora Noemia Rocha destacou a atuação mundial da entidade: “O trabalho é inquestionável”. (Foto – Chico Camargo/CMC)

      A Câmara de Curtiba foi unânime, nesta segunda-feira (30), ao aprovar a declaração de utilidade pública municipal à Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (Adra) Sul. O autor do projeto acatado em primeiro turno, vereador Dirceu Moreira (PSL), defendeu as atividades humanitárias e assistencialistas da entidade, trazida ao Brasil em 1984 (014.00027.2014).

    Moreira explicou que a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais teve origem na Primeira Guerra Mundial, com a arrecadação de donativos aos atingidos pelos conflitos. “A entidade hoje mobiliza 6 mil pessoas, em 125 países. Em Curitiba, há células nas 157 Igrejas Adventistas da cidade”, completou o parlamentar.

      Segundo o autor, as atividades da ADRA têm o aval da Organização das Nações Unidas (ONU). A vereadora Noemia Rocha elogiou a entidade: “O trabalho é inquestionável, fico feliz em saber que é da comunidade evangélica”. “A declaração dará a oportunidade de respaldo do Executivo”, completou. A utilidade pública, que será analisada em segundo turno na sessão desta terça (31), refere-se à Adra Sul, presente no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Fonte: Site da CMC

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s