Financiamento para binário Ahú/Jardim Botânico é tema de debate

1-2403-noemia1      O financiamento para a realização do binário Ahú/Jardim Botânico foi o tema mais discutido da sessão plenária desta terça-feira (07). A corregedora da Câmara Municipal de Curitiba, vereadora Noemia Rocha (PMDB), foi contrária a proposta que autoriza a operação de crédito de até R$ 9,4 milhões da prefeitura com a Caixa Econômica Federal, afirmando que ela irá “trazer descontentamento à comunidade”.

     A parlamentar demostrou preocupação com a falta de audiências públicas para debater a iniciativa. De acordo com ela, a população deveria ser consultada já que uma série de mudanças irão acontecer. “Por exemplo, as ruas tranquilas que ficarão movimentadas”, destacou.

      Outro ponto ressaltado por ela foi o artigo 5º do projeto de Lei, que fala sobre as garantias para o pagamento do empréstimo. Em seu discurso, Noemia Rocha apontou possíveis inconstitucionalidades no texto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s